Lista das Revistas



  • Nesta edição n. 56 a Revista Olorun traz:

    A prática da feitiçaria como elemento fomentador de da intolerância religiosa é o tema que Luiz L. Marins chama-nos à reflexão profunda do assunto.

    Esclarecendo sobre Ogan, Ekedi e ato de raspar, Luiz L. Marins transcreve as falas do vídeo do Baba Zarcel, mostrando a visão da Religião Tradicional Ioruba.

    Boa Leitura.

    2017-11-01


  • Nesta edição número 55, a Revista Olórun traz:

    Antes de Òduduwà.

    Renata Barcelos & Luiz L. Marins nos falam do culto Òrìsà, em Ilè-Ifè, antes da invasão e colonização por Òduduwà.

    As 16 Leis de Ifá.

    Chief Fáróunbí Àìná Mosúnmólá Adéwále revela as 16 leis de Ifá em seu texto original, sem filtros ou interpretações. Tradução de Luiz L. Marins.

    2017-09-29


  • Nesta edição número 54, a Revista Olórun traz:

    No primeiro editorial publicamos o artigo do professor Charles, em defesa da vertente religiosa Cabinda/Kambina, como parte integrante e legítima do Batuque do Rio Grande do Sul. 

    No segundo editorial, publicamos Òtìn de Bàbá Osvaldo Omotobàtálá, que narra a história desta dividnade.

    E no terceiro e ultimo editorial, publicamos outro artigo de Òtìn, a deusa com quatro seios, de Susanne Wenger (Àdùnní Olórìsà).

    2017-09-01


  • Nesta edição número 53, a Revista Olórun traz:

    No primeiro artigo Luiz L. Marins, apresenta uma introdução à Noção de Pessoa Iorubá de acordo com a ótica tradicional, esclarecendo alguns pontos obscuros e contraditórios do tema na diáspora afro-brasileira.

    No segundo artigo apresentamos um texto do jornal on Line Daily Trust, sobre o "Porque os Ioruba enterram seus mortos em casa?".

    2017-08-02


  • Nesta edição número 52, a Revista Olórun trará:


    No primeiro artigo, Edileuza Souza fala-nos do Mestre Didi, oje do culto de egúngún na Bahia, e de sua visita à sua família em África.

    E no segundo e último, Aulo Barretti Filho (em memória) nos esclarece sobre o culto de Ègún e suas sociedades internas.

    2017-07-05


  • Nesta edição número 51, a Revista Olórun traz:

    Neste primeiro tema o artigo Muitos Deuses, dois mundos, uma lógica, de João Ferreira Dias, que aborda pontos de encontro entre os Deuses Helénicos e os Deuses Negros.

    E no segundo e ultimo artigo o texto Oráculos: A Importante Geomancia, de Carlinhos Lima, aludi a importante Geomancia Árabe, ciência mântica que deu origem ao referido oráculo que conhecemos hoje nas religiões afros o sagrado Ifá!

     

    2017-06-03


  • Nesta edição número 50, a Revista Olórun traz:

    Neste primeiro artigo trouxemos um excelente texto sobre Candombe, na cultura uruguaia, do site candombe.com.

    No segundo e último artigo publicamos O acaçá nome pelo qual o Éko (massa feita com farinha de milho branco), é conhecido no meio afro-brasileiro, de Sandro A. Oliveira.

     

    2017-05-01


  • Nesta edição número 49, a Revista Olórun traz:

    Neste primeiro artigo sacerdote Fernando José, nos presta esclarecimentos sobre os Vodun e seus conceitos.

    No segundo artigo Baba Ifajemi fala sobre Ifá, Geomancia e I ching.

    No terceiro artigo é uma republicação do texto de Erick Wolff: Ògún e a Serpente.

    E por ultimo e quarto artigo, republicamos o mito de Ògún e a Serpente Mitológica do Babalaô Ifádámiláre.

     

    2017-04-16


  • Nesta edição número 48, a Revista Olórun traz:


    Neste primeiro artigo Quizilas e Preceitos, ilustra os conceitos e dogmas que compõem algumas religiões Afro-brasileiras.


    No segundo artigo Luiz L. Marins, transcreve extratos de um vídeo nos quais são esclarecidos a diferença dos conceitos de “Orixá de Família”.


    E por último, O vídeo do Festival de Xapanã em Oió, em janeiro de 2017, publicado por Àsà Òrìsà Aláàfin Òyó, registra momentos inéditos deste festival e informações importantes para os brasileiros seguidores de orixá.

     

    Boa Leitura.

    2017-03-11


  • Nesta edição número 47, a Revista Olórun traz:


    Neste primeiro artigo o visa analisar o conceito de “religião” e suas implicações conceituais para a observação das religiões africanas, partindo do caso dos yorùbá da África Ocidental e visitando o candomblé, religião brasileira de matriz africana fecundada com o comércio de escravos.

    No segundo artigo dedicar-se-á a identificar as maneiras como o fenômeno da diáspora africana – a captura, a travessia, a chegada ao novo ambiente e consequente adaptação -, tiveram influência sobre a constituição do pensamento feminista negro.


    E por último, Enìkejì importantíssimo vídeo do Àsà Òrìsà Aláàfin Òyó, entrevistando a Ìyá, informando que o Enìkejì, não é a alma da pessoa.

    2017-01-26


  • Nesta edição número 46, a Revista Olórun traz

    Neste primeiro artigo Erick Wolff, conceitua que todas as nações religiosas afro-brasileiras, de todos os segmentos, nasceram no Brasil, e são afro-brasileiras.

    No segundo artigo um estudo mais amplo que discutirá as transformações ocorridas com o orixá Obaluaê, desde sua chegada ao Brasil até os dias de hoje.

    No terceiro artigo Luiz L. Marins transcreveu um importantíssimo texto de Pierre Verge.

    E por ultimo um áudio do Baba Nathan que nos informa sobre um fio de contas que contes vários orixás.

    2017-01-01


  • Nesta edição número 45, a Revista Olórun traz, neste primeiro artigo o Babalaô Marco Arino, reuniu orientações e explicações de como entender, se equilibrar e viver melhor através de Orí.


    No segundo artigo um importante texto de Wande Abimbola, sobre Orí, ser o único que acompanha o seu devoto.


    E por ultimo, O Babalaô Ifatokun de Oyó esclarece-nos sobre o significado da expressão "eleri-ipin" atribuída a Orunmila, pois nada tem a ver com "testemunha da criação".

    2016-11-20


  • Nesta edição número 44, a Revista Olórun traz:

    Bàbálórìsà ÒSUNKOLADE OLÁYIWOLÀ OLOSUN, de Òsogbo, esclarece que Òsun recebeu o èrìndínlógún de Obàtálá.

    Os babalaôs Ifáiyemí Elebuíbon de Òsogbo, e Awoyemí Aworeni de Ifé, falam de Àkúdàáyà, o morto-vivo.

    Bolaji Idowu fala de Olódùmaré e o conceito da morte entre os Iorubas

    Jorge Feijó descreve alguns costumes e tradições do Batuque do R.S.

    2016-11-01


  • Nesta edição número 43, a Revista Olórun traz temas relativos a Ifá e Oduduwa.  

    No primeiro artigo, Norton Correia escreveu um pequeno relato que envolve, o sacerdote Ayrton do Xangô, Ogun, Lodê e Avagã.

    E no segundo artigo, coletamos informações do sacerdote Nathan Lugo, sobre o Àmàlà.

    E em terceiro e ultimo, o Ogã Gilberto de Èsù, assina o artigo sobre o escrito no ano de 2003, quando da realização do 8° congresso em San Francisco, Califórnia. Foi levado a discussão, na ocasião, para eminentes representantes eclesiásticos de nossa religião. Foram ouvidos, entre eles, o Aragba de Ifé, o Apena of Ifé e o Awisé of Ifé, além de diversos Babalawo e Aborisa, dos diversos cantos do mundo presentes na conferência.

    2016-10-01


  • Nesta edição número 42, a Revista Olórun traz temas relativos a Ifá e Oduduwa.


    No primeiro artigo, um rico artigo assinado pelo Bàbá Oswaldo Omotobàtálá, sobre a origem do povo Ioruba. Destacando a diferença entre o Reino de Benin e a República de Benin.


    E no segundo e último o artigo, Luiz L. Marins apresenta de forma rápida, sem aprofundar, algumas curiosidades e diferenças nas hierarquias de odu Ifá, conforme a publicação de alguns autores clássicos como Wande Abimbola, William Bascom, Chief Fama, Afolabi Epega e Fasina Falade.

    2016-09-01


  • Nesta edição número 41, a Revista Olórun traz temas relativos a Noção de Pessoa Ioruba.  

    No primeiro artigo Erick Wolff8 com o artigo, Revisitando a Noção de Pessoa Iorubá, que revisita, rele, e ressignifica o tema Noção de Pessoa Ioruba, os elementos que compõe o ser humano, sua criação, navegando sobre o entendimento dos conceitos e inter-relações do mundo físico (aiê) e o mundo espiritual (órun).

    O segundo artigo Aulo Barretti, Filho, com o texto A Imortalidade Yorùbá nos Candomblés Kétu, baseia-se em estudos bibliográficos, somadas a nosso exercício como pesquisador e ex-professor dessa religião, mas principalmente como religioso, sobretudo, os nossos (trinta) anos de sacerdócio.

    E no terceiro artigo, novamente Aulo Barretti dissertando, dissertando sobre Oferenda ao Orí, Borí, um rito de comunhão, é delinear um rito elaborado a quem se propõe a ingressar na religião dos Òrìsà, nos candomblés ditos de nação Kétu no Brasil, de origem étnica Yorùbá.

    2016-07-28


  • Nesta edição número 40, a Revista Olórun traz temas relativos a Oráculos Ioruba.

    No primeiro artigo o texto extraído da página do Baba Osvaldo Omotobatala, nos traz riquíssimos esclarecimentos do Oloye Edu Obadugbe Afolagbade, abordando tema sobre nações, raspagem e a propagação dos rituais ao qual aquele indíviduo passou.

    No segundo artigo abordaremos os cultos afro-brasileiros, incluindo o Candomblé, Banto e Ioruba.

    Em terceiro e último artigo, trouxemos o vídeo, A Lenda da Criação do Mundo e dos Orixás, produzido pelo Núcleo de Estudos Afro-brasileiro da UERJ.

    2016-07-01


  • Nesta edição número 39, a Revista Olórun traz a proposta de um esforço comparativo a partir de duas experiências etnográficas em religiões de matrizes africanas brasileiras, em que a materialidade e a centralidade dos objetos foram pontos comuns.

    Cada cultura tem sua própria explicação sobre como o universo foi criado e há muitas variações e mitos de como o povo Yorùbá veio a ser, por isso nesta mesma edição abordaremos a Mitologia Yorùbá da Criação do Universo.

     

    Boa Leitura.

    2016-06-01


  • Nesta edição número 38, a Revista Olórun traz temas relativos a Oráculos Ioruba.  

    No primeiro artigo trouxemos a transcrição do vídeo YORÙBÁ ORACLES (Oráculos Ioruba). O vídeo traz duas entrevistas.

    A primeira parte da entrevista é com Bàbá Ifatokun, Ààre Ìsèse Aláààfin Òyó. Na segunda parte o entrevistado é o Elégùn de Sàngó em Òyó, Sàngódele Ibuowo.

    E o segundo artigo fala sobre o fruto Obì e a sua importância nas sociedades africanas, sobretudo muçulmanas, o uso da noz de cola permanece envolto em grande significado, sendo o fruto que sintetiza imagens e sentidos ocultos de mundos sagrados e profanos, plenos de significado e provação.

    Boa Leitura.

    2016-05-01


  • Nesta edição número 37, a Revista Olórun traz temas relativos destino, Noção de Pessoa Ioruba.  

    ÀSÀ ÒRÌSÀ ALÁÀFÍN ÒYÓ nos traz uma importante entrevista com o Babaláwo Ifatokun, um dos chefes do Aláàfín Òyó esclarecendo questões como a criação do ser antes do nascimento, Àjàlá, Oníbodè e o Esèntáyé.

    Rudinei Borba, bàbálórìsà da nação kambína, Batuque do RS apresenta-nos uma entrevista de uma sacerdotisa de Sàngó, em Òyó, sobre os sacerdotes em Òyó.

    William Bascom nos mostra dos conceitos e contra-conceitos da Noção de Pessoa Ioruba, com seu famoso texto “Concepção Ioruba da alma”.
     
    Boa Leitura.

    2016-04-08